Jean Paul Jacob, Ph.D.

(Vinicius E. P. Bloise)



Dr. Jean Paul Jacob é o gerente da relações técnicas externas para o Centro de Pesquisa Almaden da IBM em San José, Califórnia, e consultor científico para a IBM América Latina. Ele também é conferencista adjunto em multimídia no Departamento de Engenharia Elétrica e Ciência da Computação na Universidade da Califórnia em Berkeley desde 1992.

Durante sua carreira na IBM, os interesses de pesquisa do Dr. Jacob cobriam engenharia de software, inteligência artificial, multimídia, assistentes pessoais digitais (PDA) e sistemas de apoio a decisão. Atualmente ele está envolvido no que ele chama de "informática", a qual ele define como "a ciência, tecnologia e aplicação de computadores e computação". Ele já deu centenas de entrevistas e apresentações de multimídia pelo mundo sobre "informática" para o século 21 - uma visão de como as pessoas irão usar os computadores e computação e como ela irá afetar suas vidas e a vida da sociedade em geral.

A carreira internacional do Dr. Jacob começou em 1960, quando ele se graduou em engenharia eletrônica no Instituto Tecnológico de Aeronáutica em São Paulo, Brasil, seu país natal. Começando em 1960, ele trabalhou como trainee em sistemas de controle na França e Holanda antes de se juntar à IBM e o Laboratório Nórdico da IBM em Estocolmo, Suécia, em 1962. Ele foi redesignado para o Laboratório de Pesquisa de San José como pesquisador em sistemas de controle no mesmo ano.

Seguindo uma partida de dois anos da IBM para completar seus graus de mestrado e Ph.D. em engenharia e matemática em Berkeley, Dr. Jacob retornou ao laboratório de San José em 1966 como membro do staff de pesquisa. De 1975 a 76, ele foi professor visitante na Escola de Negócios da Universidade de Stanford.

Em 1980, Dr. Jacob retornou ao Brasil para estabelecer e gerir o primeiro Centro Científico da IBM na América do Sul. Ele havia previamente servido em posições de conselho na criação dos Centros Científicos de Paris e do México. No Brasil, onde ele permaneceu até abril de 1985, ele estabeleceu um Instituto de Engenharia de Software.

Dr. Jacob recebeu muito prêmios da IBM e outras organizações, incluindo o Prêmio de Aluno Distinto de 1992 em Ciência e Engenharia de Computação em UC Berkeley. Ele publicou uma dúzia de papers técnicos e proferiu uma centena de entrevistas na mídia e apresentações sobre cenários futuros em 15 países. Ele está atualmente em licença sabática parcial da IBM na Universidade de Berkeley onde ele ensina o curso de graduação em multimídia.




De onde vem nosso futuro?

(Jean Paul Jacob)


Meus caros colegas,

Com a velocidade das transformações tecnológicas que vemos ao nosso redor, a pergunta-título deve ocupar a "pole-position" das perguntas que vocês estão fazendo ao aproximar-se o Dia da Independência acadêmica. Qual a resposta ?

Certamente alguns dos fatores importantes a considerar-se são:

  • a contínua "substituição" do átomo pelo bit, isto é, o "físico" é substituído pelo "eletrônico digital". O modelo em escala de um automóvel ou avião que era colocado num túnel de ar para estudar-se aerodinâmica é substituído por um modelo CAD (Computer Assisted Design) no computador e o túnel é substituído por um software que simula - através de equações - o efeito do ar fluindo pelo modelo. Bits circulando em redes carregarão notícias (jornais personalizados), livros e até mesmo música, que hoje é comprada num CD. Bits armazenados em disquetes ou chips representarão as imagens captadas por máquinas fotográficas digitais, substituindo o filme químico que hoje utilizamos; esse novo "filme digital" é reutilizável, não necessita "revelação" e não polui. Todos os exemplos acima compartilham o fato de que o digital substitui o físico e a transmissão da informação torna-se instantânea. A informação vem a nós eletronicamente e não mais iremos nós à informação. Resultado: menor poluição e perda de tempo. Até mesmo nosso escritório estará conosco onde estivermos, em nosso computador portátil. O dinheiro e as transações financeiras também serão mais e mais digitais.

  • os grandes casamentos da informática. Num exemplo flagrante de possível bigamia, a informática já se casou inseparavelmente com as telecomunicações (um casamento super feliz) e agora está profundamente enamorada com o entretenimento. Do primeiro casamento resultaram as redes; hoje um monitor ou tela de computador nada mais é que uma janela para o mundo. Para o mundo de informações ou para o mundo físico onde nos comunicamos com outras pessoas. Por outro lado, a informática encontrou uma nova paixão e está de namoro sério com o entretenimento. Isso fará com que computadores se tornem mais agradáveis e até mesmo "divertidos" em suas interações conosco. Nossas comunicações com computadores usarão cada vez mais nossos sentidos (sobretudo visão e audição) através da utilização de imagens paradas ou animadas, vídeo, áudio, vozes, etc. O conceito chama-se multimídia e logo após virá a realidade virtual, que nos permitirá visitar mundos que hoje só podem existir na memória de um computador. Interagir com um computador terá cada vez mais elementos da interação humana. O computador aumentará nossa habilidade intelectual.

Mudanças, aprender coisas novas, usar a imaginação, não são novidades para alunos do ITA. Vocês, formandos de 1996, têm todo ferramental para liderar e usufruir da tremenda evolução tecnológica que faremos acontecer, mas os caminhos que essa tecnologia digital nos permitirão trilhar não são óbvios nem únicos.

Concluímos dizendo que temos vários futuros tecnologicamente viáveis. Mas o "futuro" que acontecerá dependerá de nós, seres humanos, guiados por nossa vontade sócio-econômica-política-cultural. A tecnologia será apenas uma ferramenta que nos permitirá implementar a resposta à pergunta "De onde vem nosso futuro ?", resposta esta que é: DA NOSSA VONTADE.

Desejo, portanto, que vocês tenham a vontade de encontrar a felicidade de uma família pessoal e também a felicidade, através de melhor saúde, educação e nível de vida, da nossa grande família brasileira.

Um grande abraço,

Jean Paul Jacob
Paraninfo da Turma do ITA de 1996


Turma Águia | Esquadrilha | Senta a Púa | www.davi.ws | ITA 96 | AFA
Última atualização: dezembro de 2008
Atenção: este site não guarda vínculo oficial com a FAB
Para informações, visite www.fab.mil.br